Friday, April 12, 2013


Histórias em quadrinhos viram cultura e conhecimento para estudantes

15/04/2011 - 10:52

 


































As histórias em quadrinhos do Tio Patinhas estão sendo utilizadas para que 19 alunos da escola pública Roque Magalhães de Oliveira Barros, de Barão Geraldo, adquiram mais cultura e conhecimento. O projeto-piloto denominado “Andorinha”, desenvolvido há um ano é realizado pelo grupo Andorinha, com patrocínio da Motriz, empresa júnior da Faculdade de Engenharia Mecânica (FEM), destina-se exclusivamente às crianças da 4ª série do ensino fundamental, entre 9 e 11 anos. Pensado e idealizado por Fernando Ferreira Batista, coordenador do Terceiro Setor da Motriz, o “Andorinha” objetiva incentivar a leitura e trabalhar o desenvolvimento e a análise crítica das crianças com a utilização de gibis.

“Nós escolhemos as histórias do Tio Patinhas porque elas têm conteúdo e nos possibilitam fazer análises mais críticas”, explica o futuro engenheiro mecânico, que também ocupa o cargo de diretor financeiro da Motriz. Segundo ele, nas HQs do tio Patinhas é possível retirar lições de moral, de comportamento e de reflexões sobre a sociedade. “A parte comportamental dos personagens é a que mais trabalhamos. ‘O que levou tal personagem a agir desse jeito? Como você vê isso? Isso foi bom? Não foi?’ são alguns questionamentos direcionados aos alunos”.

Uma das dinâmicas do “Andorinha” consiste em realizar uma leitura da história, seguida por explicações de vocabulário e interpretação de texto. Questões sobre as dificuldades de compreensão e de expressão também são abordadas durante as reuniões cujas atividades são realizadas em forma de gincana, nas salas de aula do colégio. Os demais integrantes do grupo são Vanessa Sayuri Kojima, Vitor Guedes dos Reis, Daniel Candeloro Cunha, Mariana de Oliveira Cândido, Augusto C. M. G. de Alencar.

Os encontros do projeto, que visam o desenvolvimento socioeconômico e cultural das comunidades em geral, acontecem às sextas-feiras, das 13 às 13h50, no bairro do Real Parque, em Barão Geraldo. Outras informações podem ser obtidas pelo e-mail motrizej@gmail.com ou telefone 19-3521-3206.

Fonte:

No comments: