Monday, February 4, 2013

Aluno de pós-graduação em HQ da Opet ganha prêmio nacional
[01-02-2013]
Clique na foto para ampliar































Thiago Yoshiharu Itice, que concluiu recentemente o curso de pós-graduação em HQ na Opet, foi o vencedor do 29º Prêmio Angelo Agostini,  na categoria  quadrinho independente, com o "Last RPG Fantasy". Promovido pela Associação dos Quadrinhistas e Caricaturistas do Estado de São Paulo (AQC-ESP), o prêmio elegeu nacionalmente os melhores do ano de 2012 em diversas categorias. A entrega da premiação (Troféu Angelo Agostini) ocorrerá em  02 de Fevereiro (sábado), no Memorial da América Latina, em São Paulo-SP.
Lançado durante a Gibicon 2012, pelo Estúdio Lobo Limão (empresa de ilustração, animação e quadrinhos), que tem Itice como um dos proprietários, o Last RPG Fantasy conta a aventura de três irmãos que partem em jornada atrás de cristais mágicos para salvar o mundo.
O diferencial fica por conta da interatividade com o leitor. A cada final de página ele é convidado a fazer uma escolha que muda completamente o rumo da história, formando vários caminhos e finais possíveis. A história em quadrinho conta com mais de 130 páginas coloridas e um capítulo extra online.
Além de Itice, são proprietários do Lobo Limão  Kendy Saito e Keiichi Mori, que também estarão presentes na premiação.
SOBRE O PRÊMIO
O Prêmio Angelo Agostini é uma das mais tradicionais premiações de arte seqüencial realizada no Brasil. Criado e organizado pela Associação dos Quadrinhistas e Caricaturistas do Estado de São Paulo (AQC - ESP), o Prêmio tem como objetivo “o resgate e a referência aos grandes artistas do quadrinhonacional”.
O nome do prêmio é em homenagem a Angelo Agostini, criador da primeira história em quadrinhos brasileira (“As Aventuras de Nhô Quim ou Impressões de Uma Viagem à Corte”, que começou a ser publicada em 30 de janeiro de 1869).
Inicialmente, o prêmio visava destacar profissionais que estivessem ligados aos quadrinhos nacionais por, pelo menos, vinte e cinco anos (denominados “Mestres do Quadrinho Nacional”). Depois, ampliou-se a premiação para os melhores trabalhos do ano anterior. Hoje em dia, ainda existe premiação para produção alternativa, através dos fanzines.


No comments: