Saturday, December 24, 2011

Aprenda a ler e fazer quadrinhos com os mestres
''Reinventando os Quadrinhos'' e ''Narrativas Gráficas'', lançados recentemente no Brasil, vêm para ampliar o material de referência para iniciantes e interessados na Nona Arte

Curitiba - Todo guri que um dia lê quadrinhos pensa um dia também em fazer. E nada melhor do que aprender com os melhores antes de começar a rabiscar o papel. E agora, não só os iniciantes, como também os apreciadores da linguagem no Brasil, recebem um reforço de peso para ler e produzir melhor: ''Reinventando os Quadrinhos'', de Scott McCloud, e ''Narrativas Gráficas'', de Will Eisner

Ambas as produções são sequências de duas ''bíblias'' do quadrinho. ''Desvendando os Quadrinhos'', de Scott McCloud, e ''Quadrinhos e Arte Sequencial'', do mestre Will Eisner, desbravaram o terreno da linguagem da Nona Arte, com detalhes importantíssimos para quem quer se tornar um quadrinhista. 

Aliás, os dois livros, disponíveis no Brasil há algum tempo, não só servem para os ilustradores e roteiristas de revistas como também para cineastas, estudiosos e, principalmente leitores. Em um país em que a taxa de analfabetismo ainda é alta, é preciso aprender a ler linguagem para entendê-la com ampla visão. 

Scott McCloud é um daqueles caras que não costumam produzir muito na indústria dos quadrinhos mensais (leia-se Marvel Comics e DC Comics), apesar de tê-lo feito em algumas ocasiões. Sua especialidade é pensar a Nona Arte e processar os efeitos do constante refluxo das linguagens, tanto audiovisuais como gráficas, e relacioná-las à leitura e produção dos ''gibis''. 

Assim nasceu ''Reinventando os Quadrinhos'', que a editora M. Books lança no Brasil durante a 2ª Bienal do Livro Infantil, Juvenil e Quadrinhos de São Paulo, até o próximo dia 14 de agosto. O livro, a exemplo de ''Desvendando os Quadrinhos'' é todo narrado através de uma história em quadrinhos, o que facilita a compreensão de um tema baseado em complicadas teorias da Semiótica

O livro de McCloud traz 12 ''revoluções'' na linguagem do quadrinho nos últimos anos. A primeira parte traz conexões com o mundo artístico, inclusive a literatura; informações sobre mercado e direitos autorais e dados da relação entre o público e as revistas. A segunda (e mais importante), coloca os computadores no processo de produção: o que é, como fazer e veicular, e várias outras questões a respeito das histórias em quadrinhos digitais estão ali, todas esmiuçadas. 

Não é à toa que McCloud ganhou quatro vezes os prêmios Harvey e Eisner e tem seu material traduzido em 14 idiomas. Frank Miller (Sin City), Neil Gaiman (Sandman) eWill Wright (pai dos jogos ''Sim City'' ''The Sims'') são criadores que admitiram influência das reflexões de McCloud em seus trabalhos. 

''Narrativas Gráficas'', de Will Eisner, não é tão específico como parte de ''Reinventando os Quadrinhos''. Por isso, é mais amplo e também pode servir de referência para cineastas, designers, enfim, todo os interessados em narrativas visuais. 

O ponto alto do livro de Eisner é mostrar que as ilustrações são justamente uma ferramenta e não o coração de uma história: conhecido como ''o mestre da narrativa'', o autor explica a importância de um bom texto, com sequências adequadas, aliada a boa composição e, sim, desenhos úteis e belos, utilizados para incrementar a produção, e não colocá-la em segundo plano. Tudo ilustrado por nomes consagrados, como Art Spiegelman (Maus), Robert Crumb (Blues), entre outros. 

Depois disso, resta agora alguma editora nacional procurar também por ''ActionCartooning'', de Ben Cadwell, outro livro teórico que poderia melhorar ainda mais a compreensão e produção do mundo dos quadrinhos. 


Férias e Tipos nº 4 - O colunista que vos escreve tira férias neste mês e por isso esse espaço fica ''fora do ar'', mas por pouco tempo, até o começo de setembro. Nesse período, eu e o ilustrador Papito vamos lançar nossa revista, a ''Tipos'', que chega a sua quarta edição. 

''Tipos nº4 - Lembrei de você e não resisti'', com formato 15 x 23 cm e 20 páginas, será inicialmente lançada em São Paulo, na 2ª Bienal do Livro Infantil, Juvenil e Quadrinhos de São Paulo, no dia 14. Dois dias depois, estaremos divulgando e vendendo a revista no Sesc Pompéia, durante as comemorações do prêmio HQ Mix. Em Londrina, o lançamento está programado para o dia 27, às 19 horas, na Livrarias Porto Megastore do Catuaí Shopping Center, e na festa Alta Fidelidade, no mesmo dia. Até lá! 

Serviço: M. Books ainda não havia informado as especificações técnicas de ''Reinventando os Quadrinhos'' e nem o preço, até o término da matéria. ''Narrativas Gráficas'' tem o formato 28 x 21 cm, com 168 páginas e custa R$ 40. 

Todas as publicações citadas acima podem ser encontradas em Curitiba na Itiban Comic Shop: Av. Silva Jardim, 845. Fone: (41) 3232-5367. 

Música+Quadrinhos: Maximo Park+Reinventando os Quadrinhos

Fonte:

No comments: