Saturday, October 8, 2011


Festival Anual de Quadrinhos coloca a Bahia no circuito das HQs


Chico Castro Jr.
Arte Maurício de Sousa Produções | Divulgação
O maior sucesso recente das HQs nacionais: a Turma da Mônica Jovem
O maior sucesso recente das HQs nacionais: a Turma da Mônica Jovem
Salvador periga entrar no circuito nacional dos grandes eventos ligados aos quadrinhos e às artes gráficas. Pelo menos é o que se espera, a partir da realização da primeira edição do Festival Anual de Quadrinhos (FAQ), que começa amanhã e vai até domingo.
As expectativas são as melhores. Alguns dos principais nomes dos quadrinhos brasileiros e baianos estão escalados para participar de palestras, premiações, encontros com os leitores, oficinas, tardes de autógrafos, apresentações de peças, shows e outras atividades.
A abertura, amanhã, no Teatro Eva Herz (Livraria Cultura), contará com o maior e mais bem-sucedido quadrinista brasileiro em todos os tempos: Maurício de Sousa.
O anfitrião será o baiano Luís Augusto, criador da tira Fala, Menino! e um dos idealizadores do FAQ, que entregará ao pai da Turma da Mônica o primeiro Troféu Lucas, pela contribuição para a História das Histórias em Quadrinhos nacionais. “O FAQ é uma maneira de tentar movimentar o mercado, responder a uma demanda que sabemos que existe”, diz Luís.
“Queremos ver esse primeiro evento como um aperitivo. A intenção é promover a turma local e premiar tanto profissionais, quanto amadores. Queremos que as pessoas esperem pelas próximas edições. Esse vai ser o evento no qual as pessoas que querem entrar na área possam ter contato com os principais nomes. Até porque alguns deles estão vindo para passar conhecimento”, detalha.
Para Luís, o empresariado precisa saber que “esse mercado existe. A garotada ama quadrinhos”. Em outro nível, mais pessoal, ele, fã número 1 do Superman, diz que, “como nerd, sinto muita falta de ter outro nerd para conversar. É chato ficar sem ter com quem discutir o fim da cueca do Superman ou a transa do Batman com a Mulher-Gato. Ninguém leva a sério essas coisas”, queixa-se, entre risos.
Elenco de primeira - Entre os convidados nacionais, pode-se listar alguns dos nomes mais badalados da atualidade, como André Dahmer (Malvados), Rafael Grampá (Mesmo Delivery), Fábio Moon & Gabriel Bá (Daytripper), Gustavo Duarte (Có!, Taxi), Laudo Ferreira (Yeshuah) e Caeto (Memória de Elefante), entre outros.

Da Bahia, alguns dos nossos melhores talentos marcarão presença, como Antonio Cedraz (Xaxado), Flávio Luiz (O Cabra) e Bruno Aziz (Rock Sujo).

Consagrado -  Mestre do Quadrinho Brasileiro, Cedraz comemora o evento: ”Espero que seja o ponto de partida, para que eventos dessa natureza venham a colocar a Bahia na rota dos festivais de quadrinhos. Torço por isso e gostaria de colaborar sempre”, afirma.

Como (ainda) não dá para incluir todo mundo, ele espera mais participação local no próximo FAQ: “Marcos Franco e o Estúdio Fúria, de Feira de Santana, o pessoal que fez o São Jorge da Mata Escura e o premiado Lucas da Feira, Hector Salas. Gente que realmente promove a HQ baiana e, no entanto, foi deixada de fora”, lamenta Cedraz.

Já Flávio Luiz acha “louvável e digna de prêmio a iniciativa. Já estava na hora de Salvador fazer parte do mapa desses eventos, haja vista a sempre significativa participação de artistas baianos nas feiras e convenções que acontecem ao longo do ano pelo Brasil”, reitera.

Para ele, o mais importante é “conseguir com que tenha festival todo os anos. Eventuais equívocos de organização certamente serão corrigidos nas próximas edições”, considera.
O maior sucesso recente das HQs nacionais: a Turma da Mônica Jovem
Salvador nunca recebeu tantos artistas importantes dos quadrinhos ao mesmo tempo. Por exemplo: neste sábado, a comic shop RV Cultura & Arte receberá praticamente um who’s who da HQ brasileira atual. Estarão lá André Dahmer, Fábio Moon & Gabriel Bá, Gustavo Duarte, Flávio Luiz, Mário Cau e Rafael Grampá. 

“Confesso que relutei um pouco em aceitar o convite por medo de avião”, conta André. “Mas a expectativa é grande, porque as coisas ficam muito concentradas no Sudeste. Então, quando pinta um convite assim, eu gosto muito”, diz.

Ele acredita que é viável, como acontece nos Estados Unidos e Europa, o Brasil ter um calendário fixo de grandes eventos ligados à HQ e cartum. “Em um país que produz tanto, com tradição de artes gráficas, cartum, charge, esses eventos deveriam ser naturais. Temos história, como na Argentina e na França. Então, é meio absurdo que ainda não tenhamos um calendário”, acredita.

Com orçamento “em torno de R$ 100 mil”, o FAQ foi viabilizado pelo Fazcultura. “Já estamos correndo atrás da edição 2012”, garante Luís Augusto.

Confira a programação completa do I Festival Anual de Quadrinhos no Blog 2+.


|Serviço|

I Festival Anual de Quadrinhos (FAQ)
Onde: Salvador Shopping e na RV Cultura e Arte
Quando: De 06 a 09/10 (quinta a domingo)
Fonte:

No comments: