Wednesday, August 31, 2011

Carlos Saldanha, diretor da animação “Era do Gelo 3″


 

Por
“A tecnologia está presente para servir aos objetivos da narrativa. Se a história e os personagens não forem bons e cativantes não adianta nada, o filme simplesmente não emplaca”
CARLOS SALDANHA
Você já deve ter ouvido falar que com as novas tecnologias é mais fácil produzir e divulgar conteúdo. O carioca Carlos Saldanha, de 40 anos, é anterior a revolução digital que vivemos nos últimos anos. Entretanto, foi, em parte, graças a sua afinidade com a tecnologia que ele conseguiu deslanchar na profissão.
Apaixonado por desenho desde pequeno – o gosto pelos videogames e o computador veio na adolescência -, ele não chegou a fazer nenhum curso de artes e assume que não era um grande desenhista, apesar de acreditar que sempre teve talento para coisa. “O computador nunca foi uma barreira para mim. Conseguia através do computador me expressar criativamente. E, no início, ele ajudou muito a suprir minhas limitações, minha falta de técnicas de desenho.”
Diretor dos três desenhos da série “Era do Gelo” (sendo o primeiro ao lado de Chris Wedge – responsável pelos grunhidos de Scrat), Saldanha é o brasileiro mais bem-sucedido em Hollywood de todos os tempos, ao menos em termos de bilheteria (só os dois primeiros filmes da franquia gelada arrecadaram mais de U$S 1 bilhão).
Quem o vê hoje nem imagina que, em meados da década de 80, trabalhou como analista de sistemas no Brasil. Tudo isso, até que, finalmente, no início dos anos 90, decidiu fazer um curso de extensão universitária sobre animação em computação gráfica na School of Visual Arts, em Nova York.
Fonte:

No comments: