Tuesday, June 14, 2011

Projeto Conversa em Quadrinhos com Will Conrad


foto


Uma conversa aberta, com direito a perguntas, dicas de mercado, montagem e avaliação de portifólios. Assim promete ser o encontro com o ilustrador Will Conrad no projeto Conversa em Quadrinhos de junho de 2011. O bate-papo acontece no sábado, dia 11/06/2011, às 11h30, na Gibiteca Antônio Gobbo da Biblioteca Pública Infantil e Juvenil de Belo Horizonte (BPIJ), que fica na rua Carangola, 288, no bairro Santo Antônio.


PROJETO CONVERSA EM QUADRINHOS CONVIDA WILL CONRAD PARA BATE-PAPO NA BIBLIOTECA


Uma conversa aberta, com direito a perguntas, dicas de mercado, montagem e avaliação de portifólios. Assim promete ser o encontro com o ilustrador Will Conrad no projeto Conversa em Quadrinhos deste mês. O bate-papo acontece no sábado, dia 11, às 11h30, na Gibiteca Antônio Gobbo da Biblioteca Pública Infantil e Juvenil de Belo Horizonte (BPIJ), que fica na rua Carangola, 288, no térreo do antigo prédio da Fafich, no bairro Santo Antônio.

Apesar do nome americanizado, Will Conrad é, na verdade, o mineiro Vilmar Conrado. Mas já se acostumou tanto com o pseudônimo dado por um agente norte-americano que até sua família o chama assim. Natural de Belo Horizonte, Will desde cedo mostrou-se um apaixonado por ilustrações e pinturas. Não demorou a se encantar também pelos HQs mais populares da época, como Turma da Mônica e Disney. Mais tarde, vieram os quadrinhos de horror e, depois, Conan, Batman, Homem Aranha e outros que caíssem em suas mãos.

Da leitura passou à prática, desenhando de tudo e “em tudo o que visse pela frente”, ele explica. Apesar de não ter estudado em uma escola de artes até já estar trabalhando profissionalmente, Will sempre leu sobre o assunto e procurou conhecer a fundo o trabalho dos artistas que admirava.

Em 1997, ao saber que seria realizada em BH a primeira Bienal Internacional de Quadrinhos, hoje Festival Internacional de Quadrinhos (FIQ), ele preparou um portifólio com alguns trabalhos e levou ao evento. Ao ver o americano Eisner, um dos mais famosos artistas de HQs, dando autógrafos, não teve dúvidas, puxou conversa e aproveitou para mostrar o seu trabalho. “Ele teve uma reação muito positiva, disse estar impressionado com o nível do meu traço e que eu deveria continuar trabalhando e ajustando algumas coisas no meu estilo, pois era uma questão de tempo até que conseguisse entrar no mercado americano”, afirma.

As palavras de Eisner só aumentaram seu desejo de trabalhar no mercado norte americano. “Em pouco tempo, comecei a pegar meus primeiros pequenos trabalhos e a trilhar minha carreira nos quadrinhos internacionais”, conta.

Desde 2009 Will tem contrato exclusivo com a editora americana Marvel Comics. Já passaram por suas mãos Wolverine Origins, Secret Avengers e X-Men. Ao longo da carreira, dentre os trabalhos que mais o marcaram estão a série Buffy the Vampire, Slayer e Serenity, da editora Dark Horse, e Outsiders e Teen Titans, da DC Comics.

O projeto Conversa em Quadrinhos tem periodicidade mensal, sempre com o objetivo de aproximar o leitor do autor por meio de uma discussão sobre sua obra e profissão. O evento já contou com a presença dos quadrinistas Laerte e Rafael Sica, do desenhista Eddy Barrows e do cartunista Evandro Alves.

No comments: