Saturday, June 18, 2011

Em sua residência no Gama/DF, o quadrinista Maurício Júnior encontra HQ que ficou desaparecida por quase 14 anos


Verão, férias... todo mundo quer estar sarado e com uma aparência cada vez mais jovem. Mas o tempo passa, né? Ao fazer a retrospectiva de 2010 do Zine Oficial e desejar um feliz ano novo para todos os nossos leitores, me dei conta de que a primeira década do século XXI foi para as cucuias e o mundo não, apesar das previsões sombrias de que tudo explodiria na virada do milênio. Fiquei muito feliz por continuar vivo, mas também triste por ver que o tempo passou e eu passei dos quarenta ainda solteirão (completei 41 anos em 6 de janeiro de 2011, putz!).  Neste milênio, temos batido na tecla de que não deve haver discriminação contra ninguém, quer seja por por opção sexual, crença, cor, etc, etc, etc... Mas e os feios?! Caramba, ninguém acode os feios, enquanto categoria discriminada! Não que eu seja feeeeeio, mas tenho sentido certa incompreensão por parte do público feminino por causa da minha beleza exótica, que rema na contramão das tendências e estéticas impostas pela moda. Foi por esse motivo que recorri ao distante ano em que namorei firme para casar com uma menina linda! Embora eu tivesse encontrado uma pessoa que via em mim alguma coisa especial, na época também havia discriminação contra os feios! Nosso amigo Maurício Júnior, o mais antigo colaborador do Zine Oficial, captou isso muito bem em uma HQ do personagem Lindo, de sua autoria. Naquele tempo, em 1996, Maurício publicava o fanzine SMAZE, que dedicava a maioria de suas páginas ao rock underground. O personagem Lindo, coitado, nem no zine do próprio criador foi publicado. Os originais da história em quadrinhos foram esquecidos em uma caixa qualquer, com tantas mudanças de endereço do Maurício. Passados 14 anos o velho “Cabeça de Cabana”, como também era chamado nosso querido quadrinista em questão, encontrou as 10 páginas da HQ do Lindo. A gente ria muito ao se lembrar da historinha, que tem até um fundo moral! Resolvi postar no site do Zine Oficial a desventura deste anti-herói, que malhou muito e entrou na moda para conquistar o amor de sua vida. Eu continuei solteiro, mas acreditem, não foi por ter me sensibilizado com a leitura sobre o casamento do Lindo! (Tomaz André, editor do Zine Oficial)
Para conferir a HQ completa,
acessem www.zineoficial.com.br/hq_lindo_por_mauriciojr.html
































































No comments: