Monday, June 13, 2011

Aprovados no vestibular da UnB vão esperar até 19 de agosto para comemorar



Mariana Branco

Publicação: 13/06/2011 08:00 Atualização: 12/06/2011 20:49

Após meses de estudo e de ansiedade, a sorte está lançada. Os candidatos ao segundo vestibular de 2011 da Universidade de Brasília (UnB) terão acesso ao gabarito preliminar da prova a partir de 15 de junho e poderão conferir a classificação a partir de 19 de agosto (leia quadro). Ontem, os inscritos no processo seletivo fizeram as provas objetivas de matemática, física, biologia e química. O sábado ficou reservado às ciências humanas e à redação. De acordo com o Centro de Seleção e Promoção de Eventos (Cespe) da UnB, o índice de faltosos dos dois dias ficou em 9%. O valor é inferior ao da abstenção dos vestibulares de meio de ano de 2010 (9,8%) e de 2009 (14,2%).

Este ano, 24.972 pessoas se inscreveram no segundo vestibular do ano da instituição brasiliense. Do total, 3.824 concorrem pelo sistema de cotas — 904 eram estudantes treineiros. Ao todo, 4.016 vagas estão sendo ofertadas em 93 cursos. Os mais concorridos pelo sistema universal são medicina, com 81,45 candidatos por vaga. Em seguida, aparecem direito diurno (23,67), engenharia civil (23,22), relações internacionais (15,60) e arquitetura e urbanismo (14,72). No sistema de cotas, o ranking das graduções mais disputadas também é encabeçado por medicina (44,6), seguido de direito diurno (14,83), psicologia (9,9) e odontologia (8,5).

A estudante Ayla Azevedo Borges, 19 anos, sabe que entrou em uma briga acirrada. A jovem, que não fez cursinho, quer uma vaga em relações internacionais, um dos cursos mais disputados do sistema universal. “Estou estudando em casa, mas acredito que tenho chance. Por incrível que pareça, tenho mais segurança nas matérias do segundo dia de provas”, afirmou, referindo-se aos exames de ciências exatas.

Sem incidentes
Os namorados Aldemar e Bárbara fizeram o vestibular como teste (Ronaldo de Oliveira/CB/D.A Press )
Os namorados Aldemar e Bárbara fizeram o vestibular como teste
O casal de namorados Aldemar de Miranda Motta Neto e Bárbara Valadão Junqueira, ambos de 17 anos, deixou de comemorar o Dia dos Namorados para fazer o vestibular. Mesmo assim, os jovens, que ainda não concluíram o ensino médio, fizeram as provas mais para treinar do que pretendendo passar. “Quero saber como vou me sair, pois quero fazer um intercâmbio nos Estados Unidos. Se eu for aprovado, é lucro”, afirmou Aldemar, que concorre para ciências contábeis.

Já Bárbara fez inscrição para letras, mas o desejo dela é passar para medicina. Por isso, está contando mesmo com a seleção do início de 2012. “No momento, não estou estudando para o vestibular e, sim, para a escola. Me inscrevi para ter a minha prova corrigida”, contou. Bárbara e Aldemar acharam os testes do primeiro dia trabalhosos, apesar da afinidade com humanas.

Não foram registrados incidentes graves no vestibular. Além de Brasília, os exames foram aplicados em Brazlândia, em Ceilândia, no Gama, em Planaltina, em Sobradinho, em Taguatinga, em Formosa (GO), em Valparaíso (GO) e em Uberlândia (MG).

Assembleia na terça
Em greve desde 6 de junho, os funcionários técnico-administrativos da Universidade de Brasília (UnB) farão assembleia amanhã. Segundo o Sindicato dos Trabalhadores da Fundação Universidade de Brasília (Sintfub), o encontro servirá para avaliar a paralisação e repassar informações sobre a mobilização nacional. Não há previsão para a volta às atividades. Os estudantes da UnB estão sem poder utilizar o Restaurante Universitário (RU), a Biblioteca Central, a garagem, a prefeitura do câmpus e as secretarias dos cursos. Na quinta-feira passada, o Hospital Universitário de Brasília (HUB) também aderiu parcialmente ao movimento.

Fonte:

No comments: